Ação Marginal - 25/10/2017, 19:11

Pinturas rupestres em Castelo do Piauí são alvo de pichação

As figuras foram cobertas com a frase “Os cães”, escrita com uma tinta preta e a região foi alvo de vandalismo contém um riquíssimo acervo de pinturas rupestres.


Divulgação Midi e1921d5e406b2aa7181ef90aa9d4e9d3

As pinturas rupestres do sítio arqueológico da Baixa do Cajueiro, que fica localizada na zona rural do município de Castelo do Piauí, foram alvos de pichação.

As figuras foram cobertas com a frase “Os cães”, escrita com uma tinta preta e a região foi alvo de vandalismo contém um riquíssimo acervo de pinturas rupestres.

Segundo o vice-presidente da Associação de Condutores de Turistas e Visitantes de Castelo do Piauí (Condatur), Augusto Junior, na cidade existem cerca de 50 Sítios catalogados pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), mas que o número chega a três vezes mais.

Em entrevista, Augusto falou sobre a preservação do local.

“A visitação desordenada no Ninho do Urubu, localizado nos Picos dos André, principalmente com crianças, se torna um perigo porque o cupim já deteriorou a madeira e qualquer movimento em falso a madeira pode quebrar. A proteção para as mãos não tem mais e isso torna um risco grande, mas ainda bem que a maioria das pessoas que vão para lá sempre é com o acompanhamento de um guia”, informou Augusto Junior.


Fonte: portalmaiscastelo
Comentários