Dados - 08/06/2017, 11:24

IBGE prevê safra de grãos quase 30% maior que em 2016

A estimativa da área a ser colhida é de 60,9 milhões de hectares, apresentando acréscimo de 6,7% frente à área colhida em 2016 (57,1 milhões de hectares).


Web Midi soja 1038x576

A quinta estimativa de 2017 para a safra nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas totalizou 238,6 milhões de toneladas. O número é 29,2% superior à obtida em 2016 (184,7 milhões de toneladas). A estimativa da área a ser colhida é de 60,9 milhões de hectares, apresentando acréscimo de 6,7% frente à área colhida em 2016 (57,1 milhões de hectares). Em relação ao que foi divulgado em abril deste ano, a produção e a área aumentaram 2,4% e 0,2%, respectivamente. 

Principais produtos

O arroz, o milho e a soja são os três principais produtos deste grupo, que, somados, representaram 93,4% da estimativa da produção e responderam por 87,8% da área a ser colhida. Em relação ao ano anterior, houve acréscimo de:

- 2,1% na área da soja
- 17,2% na área do milho 
- 3,9% na área de arroz. 

No que se refere à produção, ocorreram acréscimos de:

-  18,5% para a soja
- 14,7% para o arroz
-  52,3% para o milho. 

O Mato Grosso lidera como maior produtor nacional de grãos, com uma participação de 25,6%, seguido pelo Paraná (17,9%) e Rio Grande do Sul (15,3%), que, somados, representaram 58,8% do total nacional previsto. Outros estados importantes na produção de grãos foram Goiás (9,7%), Mato Grosso do Sul (7,7%), Minas Gerais (6,0%), São Paulo (3,5%), Bahia (3,2%), Santa Catarina (2,8%) e Maranhão (1,9%) que integram também o grupo dos dez maiores produtores do País.

Estimativa de maio em relação à produção de 2016
Dentre os 26 principais produtos, 16 apresentaram variação percentual positiva na estimativa de produção em relação ao ano anterior:


Fonte: Cidade Verde
Comentários