Copa Professor José Carlos - 09/11/2017, 12:30

Equipes estreiam em partidas agitadas pela Copa Prof. José Carlos

Jogo disputado no Estádio Municipal Arena Tapuia entre Brasil e River Playt teve emoção até os últimos segundos dos acréscimos


Rauristênio Cavalcante Midi dsc04322 1º Gol da Copa marcado por Cione (Brasil Jatí)

A equipe da Pedreira de Juazeiro do PI, campeão da primeira edição da competição, estreou na 2ª Copa Prof. José Carlos de Futebol, no Estádio Municipal “Arena Tapuia”, na cidade de São Miguel do Tapuio, diante da equipe da casa Luis Torres, na tarde deste sábado (04/11).

Em uma partida movimentada, com direito a lances de muita habilidade e boas intervenções dos goleiros, as equipes da Pedreira e Luis Torres proporcionaram aos torcedores belos lances, mas não saíram do 0x0.

Já finalzinho de partida, Digné rouba a bola e avança para ficar cara a cara com o goleiro, se não fosse derrubado por trás pelo zagueiro Rafael que recebeu CV pelo lance. A partida marcou a abertura oficial da Copa, que aconteceu neste sábado (04/11).

Já na segunda partida da Copa não faltou gols e emoções, Brasil (Buriti dos Montes) e River Paly (Castelo do PI) protagonizaram um jogão de bola com sete gols marcados e emoção até o último assopro do árbitro Jhony Sá.

- CONFIRA

BRASIL 4 X 3 RIVER PLAYT

PRIMEIRO TEMPO

Com o início de partida com domínio integral por parte do Brasil, não demorou muito para a equipe estreante na competição abrir o placar. Aos 13 minutos do primeiro tempo, a bola sobra para Cione que completa para o fundo do gol. O segundo gol do Brasil ocorreu rapidamente, logo aos 32 minutos, quando Itamar recebe cruzamento e amplia.

SEGUNDO TEMPO

No segundo tempo, a intensidade da duas equipes continuou. Aos 16 minutos, o Brasil ampliou o placar com Itamar.

A partir daí o Brasil ficou sonolento e deu espaço para o River dominar as estocadas de ataque. Joel diminui em cobrança de falta magistral aos 23 minutos. Aos 30 minutos, após bate-rebate, a bola sobrou para Mael que da entrada da área chutou e fez o segundo do tricolor. O empate Rivelino aconteceu aos 38 minutos, depois de uma bola alçada na área, Joel aproveitou para empatar o jogo.

Em cima de muita pressão, a virada do Brasil ocorreu nos últimos segundos dos acréscimos, aos 43 minutos, quando João fez o gol da vitória, após escanteio, o lateral subiu mais que a zaga e colocou a bola no fundo da rede. Finalizando a partida em 4 a 3 para o time buritiense.

PRÓXIMOS JOGOS

Os dois times já voltam a campo nos próximos finais de semana, para a disputa da segunda rodada do Campeonato. No sábado (11), o River Palyt faz o clássico Castelense contra a Baixada que faz sua primeira partida na Copa. Já o Brasil joga dia 19/11, contra a equipe do Roma.

Cobertura Fotográfica:


Fonte: Da Redação: Por Rauristênio Cavalcante
Comentários